Stédile conquista os títulos da VX1 e VX2 no Brasileiro de Velocross em São Bento do Sul

VELOCROSS
24/11/09

gate VX1


Paulo Stédile (VX1 e VX2), Jacson Keil (Força Livre Nacional e Nacional 250cc), Márcio Dal Solio (VX3 Nacional) e Leonardo Pedro Muller (VX3) são os mais novos Campeões Brasileiros de velocross. A decisão aconteceu neste domingo, 22, na pista do Parque Expoama, em São Bento do Sul, norte de Santa Catarina. Junto com a final do campeonato Brasileiro aconteceu a final do Catarinense da modalidade e os pilotos Luciano de Oliveira (VX1), Lui Fietz (VX2), Braz dos Santos (VX3), João Francener (VX3 Nacional), Jacson Keil (Força Livre Nacional e Nacional 250cc), Luis Felipe Fietz (Júnior), Ednilson Batista (Nacional 230cc), Eduardo Correa Branco (Nacional 180cc e Street), Sebastião da Silva Júnior (65cc) e Mayron da Silva (50cc), comemoraram o título estadual.
 
As baterias
 
O catarinense Leandro Lemos foi o nome das duas principais baterias, VX1 e VX2. Na VX1, Lele largou na frente com o paranaense Paulo Stédile em segundo. Como largou na frente, o catarinense só administrou e venceu de ponta a ponta a bateria. A disputa na VX1 ficou entre Stédile e Paulo Krutzsch Júnior que disputavam o título nacional da categoria. Os dois pilotos travaram grandes disputas até o final da bateria quando Stédile se distanciou um pouco mais e cruzou a chegada em segundo, garantindo o título Brasileiro. Luciano de Oliveira, o Boca, também era um dos favoritos ao título, mas não fez uma boa largada e terminou a bateria na quarta posição, com o resultado, o piloto de Jaraguá do Sul ficou com o vice-campeonato Brasileiro e com o título estadual.

Na classificação final a diferença entre Stédile, Luciano e Krutzsch Júnior foi bem pequena. Stédile foi campeão com apenas dois pontos na frente de Luciano e quatro de diferença para Krutzsch Jr. “O Lele andou muito. Larguei na segunda posição e tentei só administrar a prova, o Paulinho foi pra cima, mas consegui segurar a posição. Estava bem difícil, bem perigoso, tudo embolado, era uma bobeira a gente podia jogar fora o título. Fiz uma prova bem consistente, andei redondo, não cometi erro nenhum. Poderia até ter sido mais rápido, mas preferi não arriscar e segurar o título”, comentou o piloto.

Na VX2, Stédile estava praticamente com o título nacional nas mãos, o único que poderia ameaçar o título do paranaense era Paulo Krutzsch Júnior, e novamente os dois pilotos travaram belas disputas na pista. O piloto da casa e campeão estadual da categoria por antecedência, Lui André Fietz largou na frente, mas no final da terceira volta sofreu uma queda e deixou Leandro Lemos assumir a dianteira até a vitória. “Foi uma prova muito difícil, os melhores pilotos do País estavam aqui. Estou muito feliz por encerrar mais uma temporada com duas vitórias e o vice-campeonato nas categorias VX1 e VX2”, comentou Lele.

 Paulo Stédile


 Paulo Stédile foi o segundo, seguido de Krutzsch Júnior. Com o resultado, Stédile conquistou seu segundo título nacional no dia. Krutzsch Júnior ficou com o vice-campeonato. “No campeonato de velo eu comecei como um treino, não fui para disputar exatamente, mas consegui uma posição boa na primeira e a segunda etapa e decidi fazer o campeonato inteiro. Velo é uma novidade pra mim, eu não fazia velo, fazia Cross Country, esse foi meu primeiro ano e já consegui o vice-campeonato. Estou muito feliz com meu resultado”, disse Krutzsch Júnior.
O campeão catarinense antecipado da VX3, Braz dos Santos, fechou a temporada 2009 com vitória ao vencer a sua sexta prova no estadual, em São Bento do Sul. Braz que garantiu o campeonato na sexta etapa, em Witmarsum, largou na frente e só administrou, seguido de Avacir Chaves, Fernando Berwanger, Adenir da Veiga e Sandro Botelho. “Mais uma vitória, com uma prova bem disputada. A temporada foi muito boa, das sete etapas perdi só uma, o campeonato foi bem disputado, bem organizado e ano que vem estamos aí novamente para mais uma competição”, disse o campeão estadual.

Pelo campeonato Brasileiro, o catarinense Paulo Krutzsch garantiu o vice-campeonato da categoria, com a nona posição na etapa de São Bento do Sul. Leonardo Pedro Muller é o campeão brasileiro da categoria, de maneira antecipada. “Mais uma etapa aqui em Santa Catarina, o campeonato foi muito bom. Corri com uma moto emprestada agora, tive problemas na largada, mas mesmo assim consegui garantir o vice-campeonato nacional. Estou muito feliz com meu desempenho”, disse Paulo Krutzsch.

Na VX3 Nacional Gilmar Bianquezzi foi o vencedor, mas terminando na segunda posição, João Francener foi quem comemorou o título estadual da categoria. Pelo Campeonato Brasileiro, Márcio Dal Solio já era o campeão antecipado e Agnaldo da Silva com a quarta colocação na etapa final, garantiu o vice-campeonato.

Podiun SX1

O piloto da casa, Jacson Keil correu tranqüilo, apenas para encerrar a temporada em casa, pois já havia garantido por antecedência os títulos Brasileiro e Catarinense nas categorias Força Livre Nacional e Nacional 250cc. “A temporada foi muito boa. O campeonato Brasileiro este ano achei muito organizado. O campeonato Catarinense é o segundo ano que eu faço, é muito bom, ano passado fiquei em segundo, esse ano eu vim pra ser campeão, venci todas as baterias que disputei, e isso me deixa muito contente”, avaliou o campeão.
Com um terceiro e um quinto lugares, respectivamente, Fabiano Ribeiro garantiu o vice-campeonato das duas categorias.


Válidas somente pelo Campeonato Catarinense, as baterias das categoria Nacional 230cc, Nacional 180cc, Júnior, Street Standart, 65cc e 50cc, também tiveram grandes disputas pelo título estadual.

Na nacional 230cc, o campeonato estava entre o piloto da casa Luis Felipe Fietz e Ednilson Batista. Apenas dois pontos separavam os pilotos na classificação. Ednilson largou em segundo e Lipe na quarta colocação. Na nona volta Lipe encostou em Ednilson que estava com a terceira colocação e fez a ultrapassagem, Dito foi pra cima e na última curva da última volta conseguiu recuperar a posição e ficar com o título da categoria. Eduardo Leobet foi o vencedor da bateria. “Foi muito importante na última curva decidir o campeonato. Foi uma grande disputa com o Lipe e estou muito feliz com o resultado” disse Dito.

As categorias Júnior e Nacional 180cc largaram juntas em São Bento do Sul. O piloto da casa, Luis Felipe Fietz foi o vencedor da prova e garantiu o título da categoria Júnior. Na Nacional 180cc, Eduardo Correa Branco que vinha na segunda posição, teve problemas na moto faltando uma volta para o final e não completou a prova, com isso Tiago André Krause foi o vencedor da Nacional 180cc. Mesmo não completando a prova Eduardo Branco ficou com o título da categoria, conquistado com uma etapa de antecedência.

Na categoria Street, a diferença entre o líder, Gean Carlos da Silva, e o vice-líder Eduardo Correa Branco, era de apenas um ponto. Quem chegasse na frente seria o campeão. Eduardo largou entre os primeiro e já na segunda volta conseguiu assumir a ponta. Gean largou apenas em sétimo, mas ao longo da corrida foi ganhando posições até encostar em Eduardo faltando uma volta para o fim. Mas Gean na última volta Gean acabou caindo e Eduardo ficou com o título da categoria. “Hoje tinha que ir pro tudo ou nada, porque quem chegasse na frente do outro ficaria com o título. Ele não fez uma boa largada, eu larguei limpo e assumi a ponta na segunda volta e foi só administrar a corrida e ficar com o título”, disse Eduardo.

Mayron da Silva venceu a prova da 50cc e comemorou o título da categoria. Já na 65cc, o vencedor foi Lucas Gadotti de ponta a ponta, mas quem comemorou mesmo foi Sebastião da Silva Júnior que terminou na segunda posição e garantiu o título da categoria. “Estava com 11 pontos na frente,  podia chegar em quinto, então andei com calma para segurar a segunda posição e ser bi-campeão catarinense”, disse Sebastião.

A etapa de São Bento do Sul teve ainda duas categorias experimentais: a quadriciclo até 450cc e a quadriciclo Força Livre Nacional. Na quadriciclo até 450cc, Marciel Ivam Lira foi o vencedor. A quadriciclo Força Livre teve Artur José Fietz na primeira posição.
 
Confira os campeões Brasileiros:

VX1
1º Paulo Stédile – PR
2º Luciano de Oliveira – SC
3º Paulo Krutzsch Júnior – SC

VX2
1º Paulo Stédile – PR
2º Paulo Krutzsch Júnior – SC

VX3
1º Leonardo Pedro Muller – DF
2º Paulo Krutzsch - SC

VX3 Nacional
1º Márcio Dal Solio - RS
2º Agnaldo da Silva - RS

Força Livre Nacional
1º Jacson Keil – SC
2º Fabiano Ribeiro – RS

Nacional 250cc
1º Jacson Keil – SC
2º Fabiano Ribeiro – SC

Resultado da prova:

Categoria VX1
1) 4 - Leandro Matos Lemos - 18:05.354
2) 10 - Paulo Cesar Stedile - 1.453
3) 120 - Paulo Krutzsch Jr - 7.540
4) 41 - Luciano de Oliveira - 19.353
5) 138 - Lui André Fietz - 36.831
6) 44 - Fernando Sanches Berwanger - 50.299
7) 5 - Avacir Chaves - 1 Volta
8) 712 - Adenir Giovni da Veiga - 1 Volta
9) 710 - Nataniel Giacomozzi - 1 Volta
10) 76 - Sandro Botelho - 1 Volta
11) 2 - Elvis Augusto Schmitz - 1 Volta

Categoria VX2
1) 4 - Leandro Matos Lemos - 14:07.865
2) 10 - Paulo Cesar Stedile - 2.979
3) 120 - Paulo Krutzsch Jr - 14.828
4) 44 - Fernando Sanches Berwanger - 17.494
5) 25 - Milton Jonathas Hobus - 19.040
6) 138 - Lui André Fietz - 21.768
7) 175 - Luís Felipe Fietz - 26.205
8) 7 - Markolf Berchtold - 26.582
9) 710 - Nataniel Giacomozzi - 59.201
10) 2 - Elvis Augusto Schmitz - 1 Volta
11) 712 - Amarilson Huttl - 1 Volta
12) 41 - Luciano de Oliveira - 1 Volta
13) 114 - Andreison Rafael Adami - 1 Volta
14) 171 - Anderson Ribas Machado - 1 Volta

Categoria VX3
1) 43 - Braz dos Santos - 12:16.994
2) 5 - Avacir Chaves - 3.343
3) 44 - Fernando Sanches Berwanger - 6.904
4) 712 - Adenir Giovni da Veiga - 15.916
5) 76 - Sandro Botelho - 23.389
6) 67 - Fabiano Grahl de Souza - 29.458
7) 6 - Gilmar Vrinfried Bianquezzi - 29.840
8) 30 - Juarez Barboza - 30.269
9) 120 - Paulo Krutzsch - 1 Volta
10) 75 - Jose Luiz Marchiotto Junior - 1 Volta
11) 510 - Francisco Uhlick - 1 Volta
12) 38 - Joao Silverio Francener - 4 Voltas

Categoria VX3 Nacional
1) 6 - Gilmar Vrinfried Bianquezzi - 8:18.030
2) 38 - Joao Silverio Francener - 0.645
3) 777 - Eureides Freitas - 17.130
4) 959 - Agnaldo da Silva - 17.616
5) 16 - Braulio Andrade - 19.788
6) 91 - Gian Mastroiani Reinert - 29.902
7) 77 - Wilson Pereira - 30.694
8) 45 - Lorival Gnewuch - 36.600
 
Categoria Força Livre Nacional
1) 228 - Jacson Keil - 12:28.863
2) 100 - Giovanni Adriano - 13.035
3) 75 - Fabiano Ribeiro - 14.113
4) 93 - Felipe Baum - 15.551
5) 396 - Renan Maximo dos Santos - 39.250
6) 210 - Ricardo Webera - 39.786
7) 99 - Tiago Andre Krause - 40.752
8) 7 - Volkmar Berchtold - 41.008
9) 25 - Volnei da Fonseca - 43.673
10) 12 - Jose Augusto Reinert - 1:06.506
11) 28 - Amarilson Huttl - 1 Volta
12) 26 - Daniel Schimitz - 5 Voltas

Categoria Nacional 250cc 4T
1) 228 - Jacson Keil - 14:34.827
2) 26 - Daniel Schimitz - 1.948
3) 115 - Eduardo Leobet - 22.012
4) 100 - Giovanni Adriano - 25.104
5) 75 - Fabiano Ribeiro - 25.490
6) 7 - Volkmar Berchtold - 51.673
7) 72 - Maicon Eduardo Weidgenant - 1:10.953
8) 12 - Jose Augusto Reinert - 1 Volta
9) 210 - Ricardo Webera - 1 Volta
10) 338 - Mairim Carlos Burigo - 2 Voltas
11) 396 - Renan Maximo dos Santos - 6 Voltas

Categoria Nacional 230cc
1) 115 - Eduardo Leobet - 12:34.545
2) 500 - Marcio Roberto Rover - 0.286
3) 100 - Edinilson Batista - 11.607
4) 175 - Luís Felipe Fietz - 12.098
5) 137 - Markolf Berchtold - 13.291
6) 72 - Maicon Eduardo Weidgenant - 15.114
7) 818 - Edgar Nogueira - 33.764
8) 25 - Volnei da Fonseca - 37.535
9) 225 - Alex Pena Pains - 38.017
10) 7 - Volkmar Berchtold - 50.081
11) 65 - Lui André Fietz - 1 Volta

Categoria Júnior
1) 175 - Luís Felipe Fietz - 12:56.503
2) 93 - Felipe Baum - 3.269
3) 251 - Jeferson Keil - 3.499
4) 69 - Julio Cesar Vaselkoski - 32.564
5) 3 - Maysa Pianezer - 36.577
6) 58 - Jonata Eccel - 1:03.504
 
Categoria Nacional 180cc
1) 99 - Tiago Andre Krause - 13:22.790
2) 5 - João Mauricio Rocha Pereira - 24.862
3) 31 - Eduardo Correa Branco - 1 Volta

Categoria Street até 150cc 4T
1) 31 - Eduardo Correa Branco - 13:13.332
2) 6 - Vanderlei Lemes - 12.640
3) 93 - Jean Andrey Grosskopf - 16.188
4) 788 - Ralf Schafer - 20.374
5) 7 - Gean Carlos da Silva - 23.933
6) 77 - Wilson Pereira - 45.714
7) 223 - Deivison Ramos Vargas - 47.081
8) 81 - Vanderlei Ataide Magnani - 1:18.025
9) 66 - Jairo Lisboa - 1 Volta

Categoria 65cc
1) 11 - Lucas Agostini Gadotti - 12:31.989
2) 15 - Sebastiao da Silva Junior - 1.975
3) 38 - Mayron Boelling da Silva - 33.174
4) 6 - Pedro Bittencourt Barboza - 34.844
5) 72 - Joao Gabriel da Veiga - 1:16.247
6) 7 - Igor Poffo Nau - 1:19.156
7) 00 - Amabilly da Silva Cardoso - 1 Volta

Categoria 50cc
1) 38 - Mayron Boelling da Silva - 11:23.237
2) 13 - Vinicius Lamonatto - 2.879
3) 44 - Igor Matte Farias - 4.734
4) 5 - Lucas Jose Nascimento - 37.281
5) 46 - Jose Ribeiro Martins Junior - 38.381
6) 22 - Felipe Matte Farias - 1 Volta
7) 3 - Tayline R. Boettcher - 1 Volta

Categoria Quadriciclo até 450cc
1) 7 - Maciel Ivam Lira - 11:51.379
2) 117 - Sergio Carlos Pinheiro - 1.409
3) 11 - Elcio Gadotti - 54.700
4) 223 - Andre Luiz Pereira - 1 Volta

Categoria Quadriciclos Força Livre
1) 1 - Artur José Fietz - 12:06.052
2) 21 - Luimar Parreira Buchmann - 0.524
3) 8 - Marcos Meyer - 6.238
4) 138 - Lui André Fietz - 1:08.266

Classificação extra-oficial do Catarinense:

Categoria VX1
1º) Luciano de Oliveira - 158 pts
2º) Leandro Matos Lemos - 150 pts
3º) Lui André Fietz - 136 pts
4º) Elvis Augusto Schmitz - 102 pts
5º) Milton Jonathas Hobus - 98 pts

Categoria VX2
1º) Lui André Fietz - 165 pts
2º) Leandro Matos Lemos - 129 pts
3º) Milton Jonathas Hobus - 116 pts
4º) Luís Felipe Fietz - 115 pts
5º) Elvis Augusto Schmitz - 84 pts

Categoria VX3
1º) Braz dos Santos - 172 pts
2º) Gilmar Vrinfried Bianquezzi - 135 pts
3º) Juarez Barboza - 132 pts
4º) Joao Silverio Francener - 116 pts
5º) Avacir Chaves - 81 pts

Categoria VX3 Nacional
1º) Joao Silverio Francener - 164 pts
2º) Gilmar Vrinfried Bianquezzi - 145 pts
3º) Adilson Romalino Batista - 101 pts
4º) Lorival Gnewuch - 88 pts
5º) Gian Mastroiani Reinert - 81 pts

Categoria Força Livre Nacional
1º) Jacson Keil - 167 pts
2º) Jose Augusto Reinert - 113 pts
3º) Tiago Andre Krause - 99 pts
4º) Volkmar Berchtold - 74 pts
5º) Gervasio Frutuoso - 73 pts

Categoria Nacional 250cc 4T
1º) Jacson Keil - 175 pts
2º) Eduardo Leobet - 132 pts
3º) Jose Augusto Reinert - 114 pts
4º) Wandrey Niels - 90 pts
5º) Leandro Matos Lemos - 86 pts

Categoria Nacional 230cc 4T
1º) Edinilson Batista - 139 pts
2º) Luís Felipe Fietz - 135 pts
3º) Marcio Roberto Rover - 133 pts
4º) Alex Pena Pains - 126 pts
5º) Eduardo Leobet - 123 pts

Categoria Júnior
1º) Luís Felipe Fietz - 150 pts
2º) Jonata Eccel - 138 pts
3º) Maysa Pianezer - 123 pts
4º) Jeferson Keil - 109 pts
5º) Julio Cesar Vaselkoski - 96 pts

Categoria 65cc
1º) Sebastiao da Silva Junior - 144 pts
2º) Lucas Agostini Gadotti - 136 pts
3º) Amabilly da Silva Cardoso - 104 pts
4º) Pedro Bittencourt Barboza - 102 pts
5º) Mayron Boelling da Silva - 73 pts

Categoria 50cc
1º) Mayron Boelling da Silva - 120 pts
2º) Vinicius Lamonatto - 102 pts
3º) Lucas Jose Nascimento - 102 pts
4º) Igor Matte Farias - 45 pts
5º) Roberto Pereira - 36 pts

Categoria 180cc
1º) Eduardo Correia Branco - 125 pts
2º) Tiago Andre Krause - 100 pts
3º) Gervasio Frutuoso - 100 pts
4º) Maicon Testoni - 77 pts
5º) Valdir Pereira - 58 pts

Categoria Street Standart
1º) Gean Carlos da Silva - 153 pts
2º) Eduardo Correia Branco - 130 pts
3º) Ralf Schafer - 124 pts
4º) Edinilson Batista - 90 pts
5º) Adriano Barbosa - 71 pts

Att
Bárbara Sales
Federação Catarinense de Motociclismo - FCM

 





Notícias Relacionadas
TAPEJARA Recebe o Brasileiro de Velocros...
Blumenau recebe etapas do Brasileiro e C...
Inscrições abertas para a 2ª Etapa do Br...
Segunda etapa do Catarinense de Velocros...
Taió encerra a temporada 2016 do Velocro...
Irmãos Basso dominam o Rinaldi Gaúcho de...
Copa São Paulo de Velocross começa com g...
O sol brilhou forte na final da Copa Gen...
Final da Copa General Motos de Velocross...
Pista perfeita na 4ª etapa da Copa Gener...
 
Mais Lidas
Copa Contestado de Velocross, Leandro Le...
Carlos Eduardo dá show em Sete Quedas...
Primavera de Rondônia realiza maior fest...
Copa Contestado Ashima de Velocross em M...
3ª Etapa da Copa Constestado de Velocros...
Stédile conquista os títulos da VX1 e VX...
Rinaldi Gaúcho de Velocross encerrou a t...
Piên esteve em festa neste final de sema...
Paranaense de Velocross começa a todo va...
Federação de Rondônia premia campeões do...






MOTOPRESS
PHONE - 55 11 9 83816355
Desde 2001 - 2017 ® Point Comunicação